Como transformar uma ideia num negócio.

O conceito de empreendedorismo está presente diariamente nas nossas vidas. Mas como podemos transformar uma ideia num negócio?

Já aqui falamos de como obter apoio financeiro à criação de empresas através do IEFP e quais as principais diferenças entre Empresário em Nome Individual e Sociedade Unipessoal por Quotas, agora vamos explicar como pode transformar a sua ideia num negócio financeiramente viável. 

Somos confrontados todos os dias com a criação de novas empresas e de negócios cada vez mais inovadores, dando-nos a ideia de estarmos rodeados de pessoas empreendedoras. O conceito de empreendedorismo vai para além da criação de novas empresas e de novos negócios. Um empreendedor preocupa-se em fazer da sua ideia um negócio viável, com o objetivo de garantir o retorno do investimento e maximizar o potencial de crescimento do seu negócio.

Para que o retorno do investimento possa ser maximizado é necessário definir a estratégia e as características do modelo de negócio que pretende implementar.

A definição da estratégia pode ser determinada respondendo às seguintes questões:

  • Quais os produtos e serviços que vai oferecer?
  • Quais os recursos necessários para desenvolver a atividade?
  • Qual a estrutura de custos mais adequada para o funcionamento da empresa?
  • Qual o segmento de clientes que pretende atingir?
  • Quais as atividades comerciais e de marketing necessárias para o lançamento da empresa?
  • Que canais de distribuição irá usar para fazer chegar os produtos/serviços aos clientes?
  • Qual o preço de custo do produto/serviço?
  • Qual o preço de venda?
  • O que o diferencia da concorrência?

Ter a resposta para todas estas questões é essencial para a definição da estratégia a seguir e se está ou não em condições para dar seguimento ao investimento.

Para compilar toda a informação e perceber se o negócio é financeiramente viável é necessário um plano de negócios. De uma forma sintetizada um Plano de Negócios é um documento que descreve quais os objetivos principais de uma empresa e quais os passos que devem ser dados para que esses objetivos sejam alcançados, diminuindo assim os riscos e as incertezas. Um bom Plano de Negócios permite identificar e reduzir os erros e dificuldades que o empresário irá encontrar com o decorrer da sua atividade.

Quais as informações que devem estar contempladas no Plano de Negócios?

  • Procura: como está a evoluir o mercado e qual o segmento de clientes que se pretende alcançar;
  • Concorrência: identificar os concorrentes locais, nacionais e internacionais;
  • Oferta: Quais os produtos e serviços e em que condições (preços, margens) vão ser oferecidos;
  • Recursos disponíveis: Humanos, financeiros e logísticos;
  • Pontos fortes e pontos fracos do projeto: identificar claramente as vantagens e desvantagens competitivas face à concorrência;
  • Estratégia a implementar: Criação de marca própria? devemos produzir ou comprar e valorizar, qual a estratégia de divulgação e quais os canais de comercialização;
  • Necessidades de financiamento: qual o valor dos investimentos em equipamentos, construções, marketing… e qual o montante total de financiamento necessário até se atingir a auto-sustentabilidade financeira;
  • Análise de viabilidade financeira e económica: retorno e interesse económico do investimento.

Depois de este documento estar concluído, abordando todas as questões mencionada e verificado que o projeto é viável financeiramente, podemos dizer que estamos perante um negócio em condições de ser implementado.

Se tem um negócio que pretende implementar, contacte-nos, teremos todo o gosto em conversar consigo e fazer um enquadramento gratuito ao seu projeto. 

Contacte-nos

 

Leia Também: